segunda-feira, 17 de novembro de 2008

...louca viagem de última hora...


Coisas acontecem sem a gente menos esperar... Tudo estava programado, carro, casa, pessoas, estava tudo pronto para passar um maravilhoso final de semana em Torres. Durante a semana, alguns percalços, além de uma pessoa não poder ir, quando chega no fim da semana, ficamos sabendo que não iria rolar mais o findi em Torres. Bate aquela tristeza e a dúvida do destino que seria o feriado. Opções? Tinhamos várias, pensou-se em Novo Hamburgo, Dois Irmãos, São Francisco, Caxias e até Riveira, o desespero para sair um pouco da rotina era tão grande, que se cogitou a idéia de pegar a estrada sem um rumo definido. No entanto, quase desistindo da idéia de viajar, surge o seguinte diálogo pelo Messenger:

R – O que vamos fazer? Não acredito que no único feriado que eu vou ter no ano a gente vai ficar em casa...

D – Sei lá... to sem empolgação nenhuma, tudo que eu tinha planejado foi indo por água baixo.

R – Faz assim, coloca de tudo um pouco na mala, roupa pra todas as ocasiões e clima, que saio do trabalho, passo em casa e te pego aí umas 22h30min, ta?

D – Ai... medo dessas coisas...

R – Vamos... vamos....

D – Tá, então vamos pra Floripa, faço os contatos aqui e vamos pra lá!

R – Perfeito, fechou então!

Sim... Uma grande loucura, mas, em menos de duas horas, já tinha organizado tudo, era só chegar, descarregar as malas na casa e aproveitar o feriado nas lindas praias catarinenses...

Como o combinado, saímos bem tarde da Cidade das Bromélias, passamos pra pegar os amigos que iam junto e, partimos para uma longa viagem.... com muita, mas muita risada mesmo, contando músicas de todos os tipo, escutando os únicos dois cd’s, com algumas paradas, chegamos ao destino quando o Sol já estava nascendo. Foi o tempo de deixar as malas, fazer as compras, descansar um pouco e ir pra praia. A praia um pouco cheia para a temporada, mas não por isso, deixamos de jogar o nosso vôlei, tomar banho naquela água que parece de piscina e se divertir.

Chegando a noite.... mesmo que o cansaço tomava conta de todos, a proposta era ir até a capital, jantar e partir pra noite catarinense. A parte da janta foi esquecida, mas, estávamos prontos para irmos para a festa. Conhecemos umas pessoas um tanto quanto esquisitas, que nos deram as dicas de como era a ‘’balada’’ que íamos, e vamos combinar, foi no mínimo engraçado. As catarinas, bem diferentes das gaúchas, não tentam agradar as visitas nem um pouco, mas são bem tranqüilas. Depois de tudo, finalmente todos ‘CONCORDE’ que tínhamos que sair porque já era tarde. Chegando à festa, o lugar lembrava muito uma casa aqui da nossa capital, porém, um pouco mais moderno, com uma proposta diferente. Apesar de cada um chegar a uma conclusão diferente da festa, onde até pensamos que fomos a lugares diferentes, foi legal.

Já no outro dia, depois de dormir bastante, as panelas soam aos ouvidos e, é a hora de levantar acampamento e partir para a estrada. Malas no carro e partimos para almoçar e pegar a estrada horrível em seguida. Uma pequena parada para comprar uma lembrancinha para alguém especial, e outra parada para comer, começa de novo a viagem, que como na ida, foi muito engraçada, nunca ri tanto dentro de um carro. Depois de chegar em casa, muito tarde da noite, logo entro na internet para se comunicar com as pessoas que não foram.

Enfim, mesmo com o pensamento o tempo todo em Gravataí, a viagem foi ótima, consegui rir muuuito e sair um pouco da rotina.

Hoje, segunda-feira, é dia de reordenar as coisas e voltar para a rotina, mesmo que o Sol não esteja brilhando do jeito que eu queria, tenho que concentrar a cabeça nas coisas que sou obrigado a fazer e, lembrar dos acontecimentos engraçados do final de semana para poder tirar um sorriso do meu rosto.

UMA ÓTIMA SEMANA A TODOS!


(Foto: Vista da praia - Guarda do Embaú - SC)

2 comentários:

Filipe disse...

Wow...

grande aventura... =D

realmente, viagens inesperadas para lugares onde se decide na hora, acaba por serem as mais incríveis, acabam sempre se tornando inesquecíveis para nós.

Crisitan disse...

Comentário unico: CONCORDE...